domingo, 4 de abril de 2010

A carta do diabo.

Pastor, vou lhe dizer, nunca passei tantos maus bocados do que na época que era ímpio mas decidi me converter, eu tinha acabado de perder a namorada, meu carro estava na oficina com um mecânico católico charlatão, minha mãe estava com hemorróidas e meu irmão mais novo tinha sido violentado por um professor, deram a ele o apelido de [censurado] .



Tudo indo de mal a pior, na época eu era da quimbanda e por isso não acreditava em pecados, vivia como eu achasse melhor, dirigia bêbado, pagava propina para policiais, usava drogas, praticava magia negra, comia travesti, assistia animes, em fim, apenas praticas caóticas condenadas por Deus.



Certo dia eu estava voltando do bar do cheira, aqui na esquina da minha casa, quando eu fui meter a chave na porta do carro, eu, meio alcoolizado, notei que tinha um panfleto grudado no limpador de pára-brisas, peguei e comecei a ler, o panfleto dizia:



“E aí? Aqui quem está falando é o diabo! Vejo que você é um excelente pecador e que em breve nos veremos logo, torço para que você continue vivendo desse jeito, dirigindo alcoolizado, desprezado a bíblia e cometendo tantos pecados, no dia que você dispensou aquele homem chato no calçadão que estava pregando com a bíblia, fizemos uma festa aqui em casa. Estou torcendo para que você se arrebente todo mesmo e que venha aqui me dar um abraço. Até logo, Capeta.”



Entrei em desespero, até que notei outro panfleto no meu pára-brisas que dizia “Já pensou se essa carta fosse para você? Converta-se já, Igreja Internacional: Onde a salvação é apenas o inicio! Batize-se hoje em até 10x sem juros.”



Respirei fundo e me acalmei, quase tive um treco, no mesmo dia resolvi passar na Igreja, mesmo estando meio alcoolizado e me batizei na piscina, o único problema é que eu não tinha nenhum dinheiro comigo, mas os obreiros foram super gente fina comigo e aceitaram meu Vectra CD Prata 97 2.0 à álcool como pagamento.





Naquele dia me senti completo, aproveitei e levei minha mãe e meu irmão para se batizarem também, foi um show de milagres, minha mãe participou do ritual da enxada do fogo santo e teve sua fé multiplicada, meu irmão fez o batismo na piscina sagrada e teve suas pregas devolvidas, a partir Dalí minha vida foi só glória!



Hoje em dia não sou mais um vagabundo que vive às custas da mãe e namorava com vagabunda, sou casado, tenho 2 filhos, me tornei obreiro da Igreja Internacional e olha só quanta unção: Ganhei de volta meu Vectra no bingo da Igreja! Ô Glória!

9 comentários:

Karlla Danielle disse...

Ô, louco, meu!!

Eneas disse...

LOLL Ri pakkkkaaaaaaassssss nem guento rachei de ri

Jean_CdZ disse...

Glórias irmãos.

Anonymous disse...

comunidade no ORCUTE, pela madrugada, pra ser pastor não é preciso ter cultura isso já se sabe, por qualquer um pode ser pasto, é só contar boas piadas...

Anonymous disse...

Fake so pode ser fake.....

PS a mãe dele divia tar dando o rabo pra ter pego hemorroidas

Anonymous disse...

-

Aaah , detalhe , sr. Pastor ...

Qual era o apelido do irmão mais novo do cara ?

Fala aê !

Anton L. disse...

Batize-se hoje em até 10x sem juros.
e aceitaram meu Vectra CD Prata 97 2.0 à álcool como pagamento.
depois reclamam qnd sao acusados de roubar dinheiro

Julie' Bellamy' Turner.' disse...

As pregas da bunda do teu irmão voltaram?

LOL [x 1000]

Leonardo Maggot disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk so tem troxa aki......

Postar um comentário